Setembro

Author: Hugo Torres / Etiquetas:


13/09/06

Chove de novo. Uma chuva irritante de Setembro que aparenta ter esperado o início de um novo ano de actividades. Uma chuva que tráz caos, que lembra o início de mais um ano lectivo, o fim do verão, os aromas invernais, outrora esquecidos pela euforia estival.
Chove de novo. Uma irritante chuva acompanhada de um tristonho cenário, cinzento, tal com o coração de muitas vidas. Um grande novo mundo que se repete incessantemente, que coloca os nossos pés na Terra, que traz dúvidas sobre uma nova luta. Reconforta e acalma. Inverno soa a formalidade. Tira-nos das ruas, coloca-nos no conforto doméstico. Tira-nos das esplanadas e coloca-nos nos melhores cafés das redondezas.
Conforto. Chove de novo em Setembro.

0 comentários: